Domingo, pipoca, Guaraná e bons filmes!

dezembro 06, 2010
Atenção: isso não é uma crítica jornalística e não contém Spoilers! Pode ler à vontade!
Tem coisa melhor que passar um domingo chuvoso em baixo do cobertor, juntinha do namorado e vendo vários filmes legais? Não! Meu domingo foi bem assim, mas quais eram os filmes em cartaz? Conto agora!

Para abrir a sessão pipoca: Shrek Forever! Gente que filme legal, adorei, assim como o 1, 2 e o 3. Adoro essas animações, sempre me diverto muito e caio na gargalhada! Pena que acabou, o Shrek vai deixar saudade, a neeemm é tão bom!

Assitimos depois O Último Mestre do Ar. Namô baixou todos os desenhos na net, que são divididos em livros, viciamos muito na história, assistiamos uns 5 ou 6 epsódios de uma vez, é muito legal, absurdamente interessante, mágico e sei lá mais qual adjetivo posso dar, só sei que adoro muito Avatar e claro, corremos para ver o filme da história do desenho. Acho que eu fiz tanta espectativa, fiquei tão anciosa que quando assisti o filme me decepcionei um pouco, mas é legal, gostei muito, não bastante e por isso ainda fico com os desenhos, mas os efeitos especiais do filme são lindos, incríveis e lóóógico que já estou doida para ver a outra parte do filme!

Ok, assistimos dois filmes que meu namô também queria ver porque faz o estilo dele, ou seja, os dois até agora estavam felizes sem nenhuma briguinha boba, maaaasss, chegou a hora de colocar o DVD da história da Jovem Rainha Vitória! O chato não queria ver nem a pau, hahaha, disse que ia acabar dormindo que não sei o quê, e blábláblá, ufa, convenci ele, tá certo que depois de 32 minutos ele dormiu, mas geeeente, ou melhor, meninas o filme é bom demais, é lindo, marvilhoso, romântico, inteligente, aiiiinnn, adorei, adorei e se tiver mais 200 filmes nesse estilo, vou assistir todos, fora que o mocinho da história é lindíssimo! Muito, muito bom!


Aí teve a revanche, depois do mamão com açucar e lágrimas, animação e história de desenho animado, uma bomba controversa. Fomos assistir um filme que fazia tempo que tanto ele quanto eu queriamos assistir, o nome: Irreversível. Nada a ver com os outros que assistimos e sem dúvida nenhuma não é um filme para assistir sem dar uma boa lida na sinopse antes e ver se dá pra encarar. É terrivelmente angustiante, rodopiante, nauseante, irritante e outros antes, é arte e não é comum, difícil definir, sabe quando você fica com a boca aberta e meio besta por alguns minutos, estou meio besta até agora e sei que vou continuar assim por alguns dias, meio chocante, nossa, é irreversível mesmo, incômodo e a realidade é assustadora, não é um filme de terror, até porque não assisto esse gênero, mas se você tem menos de 18 anos, ouça bem, se você tem menos de 18 anos, coração sensível e estômago fraco, por favor não assista!


Depois de Irreversível, uma pausa foi necessária e bem merecida! Daí voltamos com a sessão pipoca e com um filme bem mais calmo e menos chocante, mas qua ainda sim fica um quê de boca aberta: Bastardos Inglórios, que com certeza é muito bom!

Pronto, já estava de madrugada e segunda feira é um dia de trabalho. O difícil foi dormir com tanta informação cinematográfica na cabeça! Mas foi um bom domingo de cinema sem nenhum nexo! Rs! Para domingo que vem estamos planejando mais uma rodada quintúpla de filmes, mas dessa vez só de filmes antigos, bem antigos e consagrados, venho aqui e conto para vocês! E aproveitando, alguma indicação de filmes para mim?